Semana na Bolsa

Semana de alta nos principais Mercados, tanto nas principais Bolsas de Valores da Europa e nas Bolsas dos Estados Unidos, que tiveram novos recordes. A Bolsa de Valores de São Paulo, com o ruído do “fura teto” apresentou queda.

O IBOV, índice Bovespa, terminou a sexta-feira aos 103.500,71 pontos, com queda de -2,09% no dia e de -2,63% na semana. No fechamento do mês, a queda foi de -6,74%.

Dentre as principais ações que compõe o índice, destaques para:

A Vale, VALE3, fechou a semana cotada a R$ 71,61. Queda de -2,84% no dia e de -5,88% na semana. No mês, a queda foi de -14,91%.

Banco Itaú, ITUB4, fechou a sexta-feira em R$ 23,31. Queda de -2,35% no dia e de -0,98% na semana. Fechando o mês de outubro com baixa de -2,28%.

A Petrobras, PETR4, fechou a semana em R$ 27,25. Despencou -5,90% no dia, com mais notícias de possível intervenção nos preços, mas ainda em leve alta de +0,26% na semana. No mês, praticamente estável, com leve alta de +0,07%.

A Brasil Bolsa Balcão, B3SA3, apresentou uma baixa de -1,08% nesta sexta-feira, fechando em R$ 11,91. Queda de -5,63% na semana e de -7,89% no mês.

As ações do Banco Bradesco, BBDC4, fecharam cotadas em R$ 19,90. Queda de -2,88% no dia e de -2,69% na semana. No mês, a queda foi de -4,41%.

Ambev, ABEV3, fechou em R$ 16,99. A exceção graças a um bom balanço trimestral apresentado. Alta de +1,74% no dia e de +13,27% na semana. Fechando o mês com alta de +11,05%.

Outros destaques nesta semana, tivemos boas altas de RADL3, +7,79% e BRFS3, +5,54%. Quedas em GETT11, -22,83%, CASH3, -15,35%, e AZUL4, com -14,80%.

Importante informar que estes dados e análises não significam nenhuma recomendação de compra ou venda. Apenas informações para ajudar você a tomar suas próprias decisões.

Publicado por Luis Panizo

Estudioso em investimentos gerais e economia.

%d blogueiros gostam disto: